Novidades da maçãzinha🍎: Apple ensina americanos a pagar com carnê

Clickbait ou não?! Leia e decida se o título faz jus aos fatos, Risos. Pra você que veio só por ele não vamos enrolar.
No evento de desenvolvedores da Apple que aconteceu na última semana, a marca lançou alguns recursos:

  • Apple pay later: um serviço chamado Apple Pay Later permite que os usuários paguem coisas em quatro parcelas sem juros, distribuídas por seis semanas. Novidade para os americanos, paixão para os brasileiros. Risos.
  • Todas as atualizações: iPhone, Mac, Watch e iPad estão recebendo atualizações de software. Os destaques incluem iMessages editáveis ​​e uma ferramenta de autenticação biométrica apelidada de “Passkeys”.
  • Teaser do Apple Car: A Apple se uniu à Ford e à Honda para expandir sua integração com o CarPlay. Pense: carros com widgets de painel da Apple que controlam A/C e rádio.

Um sistema operacional para tudo…

Cada vez mais o iPhone está se tornando um portal de hardware para o conjunto de serviços em expansão da Apple. Embora o iPhone ainda seja o produto mais lucrativo da Apple, as vendas de serviços (iCloud, Apple Card, TV+) estão crescendo muito mais rápido. Este ano, a receita de serviços da Apple deve atingir mais de US$ 80 bilhões (mais do que as vendas de Mac e iPad combinadas).

  • Algumas das funcionalidades anunciadas esta semana competem com setores empresariais inteiros, como o Apple Pay, ainda, mas quando lembramos que a Apple tem seu próprio cartão de crédito nos EUA.

Take Away: A Apple quer que você compre agora, pague para sempre… Os novos serviços da Apple não apenas ameaçam os concorrentes – eles também tornam mais difícil para os consumidores abandonarem os produtos da Apple. Se você confia no ecossistema da Apple para manter contato com amigos (iMessage), fazer grandes compras (Apple Pay Later) e dirigir seu carro (CarPlay), é mais provável que continue comprando dispositivos Apple por toda a vida. Isso que chamamos de LTV.

Você também pode gostar de...