Influenciadores fazendo história!

O TikTok pode ser mais conhecido por dublar e dançar vídeos, mas a plataforma também está produzindo o melhor trabalho em finanças.

“Finfluencers” são influenciadores de mídia social que usam plataformas como TikTok e Instagram para tornar o conselho financeiro digerível para o público mais jovem, de acordo com a Bloomberg.‘Finfluencers’ são beneficiários de uma tendência mais amplaDurante a pandemia, o interesse por finanças e investimentos disparou. Desde essa época no ano passado:Os downloads de aplicativos financeiros aumentaram 20%.As horas gastas em aplicativos financeiros aumentaram 90%.As horas gastas em aplicativos de negociação e investimento aumentaram 135%.A geração Y e a Geração Z constituem uma parte significativa desses novos usuários, e as empresas financeiras querem seus negócios. Foco no Brasil 
Do início da COVID-19 pra cá, foram mais de 1 milhão de novos investidores na bolsa brasileira, que está quase atingindo a marca de 4 milhões no total. Uma galera boa né? Pois é, os finfluencers com certeza possuem boa participação no caminho desses novos investidores até a bolda.

Além disso, até 2017, a bolsa de valores brasileira era dominada por pessoas entre 40 e 59 anos, mas, depois disso, a faixa dos 25 aos 39 anos passou a ser a média de idade predominante entre as pessoas físicas.
 Oportunidade e Risco
👍🏻 Se você é do setor de finanças, fazer parceria com esses influenciadores pode ser uma boa forma de acessar mais rápido o público jovem que, pela idade, terão um LTV mais alto.

👎🏻 Por outro lado, o algoritmo das plataformas prioriza o que engaja e não necessariamente o que é bom. Isso acaba abrindo espaço para aqueles que prometem milagres ultra-atraentes para os investidores mirins.

Você também pode gostar de...