Por que empresas de tecnologia estão sofrendo perdas históricas na Bolsa americana

Parece que o número 22 não traz tanta sorte, dizemos isso porque os mercados estão deixando muito a desejar nesse ano de 2022.

  • Os investidores vêm sofrendo perdas, mesmo aqueles que apostaram em papéis considerados seguros, como os das empresas de tecnologia, que vinham trazendo bons resultados há anos — até agora.

A Nasdaq, bolsa de Nova York especializada em empresas de tecnologia, caiu quase 32% e isso só de janeiro até 15 de junho!

E se você acha que as Big Techs saíram dessa…

…Está muito enganado! O valor de mercado do Facebook, Apple, Amazon, Microsoft e Google somados caiu US$ 2,7 trilhões (R$ 13,8 trilhões) entre o início de 2022 e o dia 19 de maio, segundo o The New York Times.

O que está acontecendo?

É tudo uma questão emocional. Risos. O que determina o preço das ações é o que os investidores esperam que aconteça no futuro e esse ano, a tendência dos investidores tem sido de se desfazer desses ativos, porque eles entendem que não vão receber o retorno esperado.

  • Existem vários fatores influenciando o ânimo atual dos investidores. O primeiro é a inflação alta, um fenômeno generalizado no mundo em 2022.

Nos Estados Unidos, por exemplo, o índice anual chegou a 8,6% em junho, o maior dos últimos 40 anos. A inflação traz incertezas, o que é ruim para os mercados.

Para tentar conter a onda inflacionária, os bancos centrais estão aumentando as taxas de juros. Em Washington, o Federal Reserve (o Banco Central norte-americano) decidiu aumentar os juros e dá sinais que indicam que isso é tendência também por lá.

Take Away: É claro que com uma opção de investimento como os títulos públicos que é super seguro e com alta rentabilidade, os investidores ficam desmotivados para se aventurar na bolsa de valores.

Você também pode gostar de...